Home > Saúde

Critérios e Demandas

Avaliação sobre a qualidade e a localização das obras entregues

Indicador: Qualidade das Instalações

Cobertura: Altamira, Anapu, Brasil Novo, Senador José Porfírio e Vitória do Xingu

Fontes: Conselho Municipal de Saúde de Anapu, Conselho Municipal de Saúde de Senador José Porfírio, Conselho Municipal de Saúde de Vitória do Xingu, Movimento de Mulheres Trabalhadoras do Campo e Cidade de Altamira, Projeto Básico Ambiental (PBA), Relatórios Consolidados de Andamento do PBA e do Atendimento de Condicionantes (Norte Energia), Secretaria Municipal de Saúde de Altamira, Secretaria Municipal de Saúde de Anapu, Secretaria Municipal de Saúde de Brasil Novo, Secretaria Municipal de Saúde de Senador José Porfírio e Secretaria Municipal de Saúde de Vitória do Xingu

Palavras-chave: infraestrutura, Área de Influência Direta (AID), Município de Vitória do Xingu, Município de Senador José Porfírio, Município de Brasil Novo, Município de Anapu e Município de Altamira

Situação em fevereiro de 2015

Após a conclusão de uma obra, a Norte Energia encaminha ofício informativo à prefeitura, para que seus técnicos possam realizar a vistoria e emitir um parecer sobre a situação da obra, aceitando ou não o equipamento.

De acordo com as prefeituras, a qualidade dos novos equipamentos deveria ser avaliada quando estivessem em seu pleno uso. Não há clareza sobre a existência de garantia das obras realizadas, caso algum equipamento apresente problemas posteriores à entrega.

Em geral, as obras realizadas pela Norte Energia em unidades de saúde foram avaliadas pelos gestores da AID como de boa qualidade. No entanto, foram relatados problemas elétricos em algumas unidades, como as UBS Vila Izabel, Novo Horizonte e PDS Esperança em Anapu.

Dos equipamentos de saúde entregues pela Norte Energia na AID, a UBS Esperança/Virola Jatobá, em Anapu está sem uso, pois uma castanheira caiu e inutilizou o equipamento de saúde.

A partir da constatação de que a UBS Bananal em Vitória do Xingu foi superdimensionada em relação à população local, o Grupo Técnico Tripartite da UHE Belo Monte aprovou um projeto padrão para unidades menores, que contempla compartimentos mínimos para o funcionamento adequado à localidade.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Ver detalhes