Home > Malária

Controle da Malária

Ações de educação em saúde sobre malária

Indicador: Prevenção da malária

Cobertura: Altamira, Anapu, Brasil Novo, Pacajá, Senador José Porfírio e Vitória do Xingu

Fontes: Norte Energia, Pareceres da Secretaria de Vigilância em Saúde do Ministério da Saúde sobre o Plano de Ações de Controle da Malária da UHE de Belo Monte, Projeto Básico Ambiental (PBA), Relatórios Consolidados de Andamento do PBA e do Atendimento de Condicionantes (Norte Energia), Secretaria de Vigilância em Saúde do Ministério da Saúde (SVS/MS), Secretaria Municipal de Saúde de Altamira, Secretaria Municipal de Saúde de Anapu, Secretaria Municipal de Saúde de Brasil Novo, Secretaria Municipal de Saúde de Senador José Porfírio, Secretaria Municipal de Saúde de Vitória do Xingu, Secretaria Municipal de Saúde de Pacajá e 10º Centro Regional de Saúde - Secretaria de Estado da Saúde do Pará

Palavras-chave: Área de Influência Direta (AID), Município de Altamira, Município de Brasil Novo, Município de Anapu, Município de Vitória do Xingu, Município de Senador José Porfírio e Município de Pacajá

Situação em setembro de 2015

Para as ações de educação em saúde, foi relatado que um dos principais desafios é a conscientização da população para a realização de exames que possibilitem o diagnóstico precoce. As estratégias adotadas partem de um direcionamento de acordo com a necessidade e a situação epidemiológica de cada município, abordando aspectos da doença e o uso de mosquiteiros. Por exemplo, com a sazonalidade das praias, aumenta o risco em certas áreas no período de junho a agosto. Nessa época, municípios como Vitória do Xingu e Altamira concentram suas ações no rádio e em faixas instaladas nas praias. Anapu e Pacajá, por outro lado, têm tido foco maior das ações em áreas de garimpo, em vez das praias.

Em Vitória do Xingu, destacam-se também palestras nas escolas e ações em empresas que se instalam no município. Para fortalecer as ações de educação em saúde e motivar os agentes de endemias, a Secretaria de Saúde provê momentos de avaliação e planejamento de suas práticas, estimulando a troca de experiências em reuniões mensais, quando uma equipe faz apresentação sobre um tema sorteado na reunião anterior. Com isso, promove-se a inovação de métodos e materiais para abordar diferentes temas com públicos diversos.

Em Brasil Novo, são realizadas ações principalmente a partir do Programa Saúde na Escola. Professores trabalham a conscientização nas disciplinas e foi criado um formulário para identificar agravos que os estudantes tenham tido. No caso da necessidade de assistência, a situação é sinalizada ao enfermeiro, que acompanha o caso, trata e oferece orientações adicionais. Apesar das dificuldades na implementação de ações articuladas entre profissionais de saúde e educação, é avaliado como grande o potencial do Programa para ações de educação em saúde.

Em Pacajá, são relatadas também ações em eventos locais pontuais, como a Exposição Agropecuária.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Ver detalhes